Format: Ebooks, Documents

This is a digital product, you will receive the information to access it through the internet.

$

R$ 35,00

Buy 100% safe

Powered by Powered by Hotmart

Need help?

Doubts, suggestions or problems should be sent to the salesperson Cynthia Camargo.

Salesperson's contact


#paris - Vivências Entertainment

Product description

Todas as suas perguntas respondidas em um só lugar!
Um guia que ensina a se perder pela cidade mais encantadora de todos os tempos!  
"O melhor roteiro é não seguir nenhum"
Vivências para todos os gostos, todos os bolsos, todas as idades, todas as preferências e todos os interesses!

Advantages

Presta curadoria quanto às informações sobre a cidade de Paris baseado no interesse dos próprios passageiros que a autora recebeu na cidade durante mais de vinte anos. O livro não é apenas um guia, mas um livro com informações variadas, curiosidades, fofocas, contos, notícias atualizadas, símbolos da cidade, regras de etiqueta e uma série de "vivencias", desde econômicas e luxuosas, a com crianças e absolutamente sozinho! Contém um guia prático que antecede a viagem, resenhas de restaurantes, dicas de compras e segredos.

"Eu tenho um amigo (compadre) que diz que, em outra vida, ele deve ter nascido e vivido em Paris, já que se sente em casa a cada vez que chega à cidade. Tenho outros amigos que se renderam a esta sensação e não voltaram mais. Já fui um deles.
Há algo em Paris. A forma elaborada dos candelabros, que sombreiam e iluminam pisos de mosaico às entradas de edifícios seculares, e seus gradis rendados tão carregados de memória; a simetria que agrada o olhar; a cor calmante do calcário e o formato romântico das chaminés. Esta composição penetra pelos poros quando a brisa que vem do Sena, sussurrando história e espírito, sopra a vida no rosto.
Paris transmite uma sensação de “pertencimento”, como se estivéssemos inseridos em um contexto maior e que promove o encanto.
O idioma é música para os ouvidos, e o som que vem do acordeom liberta borboletas do ventre; os aromas das esquinas abrem um apetite que não sente culpa e nem conta calorias. Celebrar a vida com champagne passa a ser necessário.
Paris tem este je ne sais quoi, como se fosse uma entidade que invade o corpo e eleva a alma ao estado de graça. A boa e a má notícia é que esta sensação é viciante".